Secretário de Braço do Norte é afastado por suposta prática de peculato e falsidade ideológica

A ação tramita em segredo de Justiça.


Um secretário de Braço do Norte foi afastado do cargo após pedido do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) pela suposta prática de peculato e falsidade ideológica. A ação tramita em segredo de Justiça.

Em uma investigação conjunta com o Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO), foi identificado que alguns pneus teriam sido comprados com dinheiro público. No entanto, esses pneus foram comprados para outro veículo fora da frota municipal, e os carros da prefeitura eram utilizados para fins particulares.

Conforme a denúncia, os pneus teriam sido destinados para carros da Epagri e da Cidasc. Além disso, inúmeras vezes os carros da prefeitura eram utilizados para que o secretário e um servidor fosse até suas residências e ao mercado após horário de expediente.

A denúncia já foi aceita pelo Judiciário e os réus terão amplo direito à defesa. O secretário responderá pelos crimes previstos nos artigos 299 (falsidade ideológica) por duas vezes e artigo 312 (peculato) por três vezes. Já o servidor da pasta responderá por peculato possivelmente cometido três vezes.

Receba esta e outras notícias no WhatsApp. Clique aqui para entrar no grupo Rádio e TV Tubá – Notícias. 

Instagram

Facebook

© 2024Todos os direitos reservados Rádio e Tv Tubá.

Precisa de ajuda?