Chuvas ultrapassam 100 milímetros em Tubarão e rio atinge mais de 3 metros

Rio Tubarão já está em estado de atenção.


As chuvas das últimas horas estão causando transtornos em diversos municípios de Santa Catarina, e a região Sul vem sendo castigada desde sexta-feira (6). Nas últimas 24 horas, Tubarão registrou mais de 100 milímetros, e consequentemente, o nível do rio subiu.

Segundo os dados da Plantar Agronomia, o rio Tubarão já entrou em estado de atenção (amarelo), e a última atualização, que é de 9h22, é que o nível do rio já está em 3,32 metros.

Já há alguns pontos de alagamentos na cidade, e segundo o coordenador regional da Defesa Civil, Anderson Martins, já há pessoas que saíram preventivamente de suas residências ou foram retiradas de suas casas. No entanto, ainda não há um número exato de pessoas desalojadas ou desabrigadas. 

De acordo com o coordenador municipal da Defesa Civil de Tubarão, Diego Goulart, nenhuma pessoa havia se deslocado em nenhum abrigo disponibilizado pelo município até o início da manhã deste sábado (7).

Gráfico

Saiba quais as medidas tomadas pela prefeitura:

Abrigos para moradores: caso seja necessário, seja pela invasão de água nas residências ou precaução antes disso acontecer, foram definidos alguns locais em que as pessoas poderão ficar em segurança. A Fundação Municipal de Desenvolvimento Social mapeou, inicialmente, quatro locais: Albergue Noturno Pousada da Paz (São João – ME), Associação Tubaronense de Apoio às Famílias (STAN), no Centro, entidade João 3:16 (Centro) e Igreja Verdade (Vila Moema). Se a situação se agravar, o município providenciará outros espaços para receber a população que precisar sair de casa.

Depósito para móveis: o galpão de Defesa Civil está disponível para guardar móveis e demais pertences, garantindo proteção e segurança dos bens. A Defesa Civil de Tubarão está localizada à rua José Ferreira, 380, Oficinas.

Bombas hidráulicas móveis: a secretaria de Agricultura e Interior está pronta com uma bomba hidráulica e um trator para acelerar o escoamento da água em situações e áreas específicas. A Cergal também disponibilizou um equipamento de bombeamento d’água e um gerador de energia.

Bomba da macrodrenagem na margem esquerda: há uma estação de bombeamento no cruzamento da avenida José Acácio Moreira com a rua José Pedro de Oliveira. O equipamento escoa a água do sistema de macrodrenagem da margem esquerda, caso o nível do Rio Tubarão se eleve e feche a saída do sistema. O motor da bomba foi mudado de local recentemente, o que facilita reparos emergenciais. A Defesa Civil lembra que esse bombeamento só é possível em caso de elevação do nível do rio até a altura da saída da macrodrenagem. Se isso não ocorrer, o escoamento da água é feito naturalmente, independente do volume de chuva ou dos alagamentos formados na área de abrangência da macrodrenagem.

Telefones de emergência

3621-9060 – Defesa Civil de Tubarão
193 – Corpo de Bombeiros
190 – Polícia Militar
153 – Guarda Municipal
0800 048 0196 – CELESC
0800 702 2828 – CERGAL

Receba esta e outras notícias no WhatsApp. Clique aqui para entrar no grupo Rádio e TV Tubá – Notícias. 

Instagram

Facebook

© 2024Todos os direitos reservados Rádio e Tv Tubá.

Precisa de ajuda?